Ações de formação de curta duração para docentes do ano letivo 2021/2022

interculturalidade

interculturalidade

 

Ações de formação de curta duração para docentes do ano letivo 2021/2022

Maio foi o mês das ações de formação de curta duração para docentes do ano letivo 2021/2022 do projeto AcademiaCV.pt Boas Práticas.

Estas sessões, destinadas em prioridade ao corpo docente do território de implementação do projeto, abordaram 3 temáticas diferentes: Cidadania e Interculturalidade, Comunicação e aprendizagem e Tutorias para o desenvolvimento socioeducativo. Leia este artigo para ler o balanço de cada uma destas ações de formação!

Ações de formação de curta duração para docentes: ACD 1 – Cidadania e Interculturalidade

Esta ação de formação teve a duração de 5 horas, e decorreu nos dias 3 e 5 de maio de 2022. As sessões decorreram online, e contaram com 17 formandos de 3 Agrupamentos de Escolas: Gil Vicente, Patrício Prazeres e Marquesa de Alorna!

capacitar e valorizar em português

Esta ação de formação teve como principais objetivos:

  • Refletir sobre o conceito de interculturalidade
  • Identificar boas práticas de reconhecimento e valorização da diversidade cultural
  • Reconhecer estratégias de comunicação intercultural e promoção do diálogo intercultural
  • Apresentar e refletir sobre recursos pedagógicos para a promoção da educação intercultural em sala de aula

Para atingir estes objetivos foram realizados vários exercícios práticos. Um dos exercícios, para introduzir a temática da cidadania, consistiu numa reflexão em grupo: os formandos/as foram chamados a pensar numa comunidade de imigrantes e, em grupos de 4 elementos, responder às seguintes questões: O que sabemos sobre…os valores, as relações familiares, as relações entre gerações, as relações entre homens e mulheres; a educação das crianças; as convenções sociais, o lazer e o divertimento, a relação com o tempo e com a autoridade em determinada cultura? As culturas abordadas foram as do Bangladesh, Guiné-Bissau; Ucrânia e China. Os formandos chegaram à conclusão que os conhecimentos que tinham sobre estas culturas (ou outras culturas de origem dos seus alunos), poderiam ser aprofundados, o que os ajudaria muito no seu trabalho com estas crianças.

Cidadania

Foi também realizado um enquadramento teórico dos conceitos de cidadania e interculturalidade, e divulgados vários recursos pedagógicos para trabalhar estas temáticas na sala de aula!

A avaliação desta ação de formação para docentes foi de 4,5, numa escala de 1 a 5, e estes foram alguns dos comentários dos professores participantes relativamente aos pontos fortes desta ação de formação:

“A forma de comunicar das “dinamizadoras”… a criação de “salas de aula” permitiu uma partilha mais efetiva… os recursos colocados à nossa disposição… MUITO BOM! Gostei muito e saio cheia de vontade de por em prática. OBRIGADA.”

“-Criatividade e dinamismo na apresentação dos conteúdos
-Apresentação e disponibilização de variados métodos e ferramentas para a educação intercultural.”

Ações de formação de curta duração para docentes: ACD 2 – Comunicação e Aprendizagem

Esta ação de formação para docentes decorreu também no formato online, nos dias 10 e 12 de maio de 2022 e contou com a participação de 16 formandos.

Estes foram os principais conteúdos abordados:

 

No início desta ação de formação, recolhemos algumas expectativas dos participantes, que referiram a necessidade de adquirir mais conhecimentos sobre a temática, visto o número crescente de alunos de Português Língua Não Materna. Os formandos procuravam assim mais estratégias para comunicar melhor com os alunos e as suas famílias.

Como nas restantes ações de formação, as sessões alternam entre o enquadramento teórico e os exercícios práticos. Abordámos assim os conceitos de Comunicação, Relação Pedagógica e Diversidade Linguística.

Um dos exercícios realizados consistiu numa reflexão em pequenos grupos sobre os principais desafios encontrados na docência de turmas interculturais, e que soluções poderiam ser propostas para estes desafios, de modo a potenciar a comunicação na diversidade. Foi uma reflexão muito dinâmica, da qual resultaram várias ideias a implementar na prática!

barreira linguística

A avaliação desta ação de formação para docentes foi de 4,7, numa escala de 1 a 5, e estes foram alguns dos comentários dos professores participantes relativamente aos pontos fortes desta ação de formação:

“Promoção da reflexão e interação entre os formandos e também formadores. Boa dinâmica entre exposição de informação e propostas de participação ativa para os formandos.”

“Dinamismo, Diversificação de estratégias, partilha.”

Ações de formação de curta duração para docentes: ACD 3 – Tutorias para o desenvolvimento socioeducativo

Esta ação de formação decorreu também no formato online, nos dias 17 e 19 de maio de 2022 e contou com a participação de 13 formandos.

O objetivo da ação é promover o conhecimento de professores dos diferentes níveis de escolaridade do Ensino Básico e da Educação Pré-Escolar sobre a metodologia de tutorias para apoio a alunos migrantes falantes de outras línguas, através de recursos e práticas de apoio individualizado. Promove-se ainda conhecimentos e instrumentos para a gestão de uma rede de tutores comunitários.

Estes foram os principais conteúdos abordados:

  •  Metodologia de tutorias ACV.pt: enquadramento e conceitos-chave
  • Identificação de recursos pedagógicos e instrumentos de suporte à implementação
  • Estratégias para a implementação e gestão pedagógica de tutorias
  • Plano educativo e gestão de uma rede de tutores comunitários

Esta ação de formação visa formar docentes para a metodologia AcademiaCV.pt, para a poderem implementar, de forma autónoma, nas suas escolas.

Assim, abordamos todas as etapas de construção do projeto: como recrutar, formar e acompanhar uma rede de tutores, o que é preciso para uma sessão de tutoria, o envolvimento parental e as oficinas para a interculturalidade .

Tutor e competências

Um dos exercícios práticos desta ação de formação foi o desenvolvimento de implementação do projeto, de forma autónoma, na escola onde lecionam os docentes participantes.

A avaliação desta ação de formação para docentes foi de 4,5, numa escala de 1 a 5, e estes foram alguns dos comentários dos professores participantes relativamente aos pontos fortes desta ação de formação:

“Os momentos de Partilha e de Interação entre os Formadores e os Formandos.”
“Dinâmica de grupos; reflexão e partilha.”

Também é professor de uma turma intercultural e gostaria de explorar novas estratégias de trabalho na sua escola? Veja aqui como abordamos a questão da integração dos alunos migrantes na comunidade escolar com as oficinas para a interculturalidade!

Se estás interessado em saber tudo sobre a Academia CV e receber mensualmente as nossas notícias, podes subscrever a nossa newsletter.